29 de Julho de 2009

Poluição psíquica

Pintura de Kim Molinero


“Pensar, realmente, é saber, primeiro que tudo, em que pensar e como pensar.

Aqueles que desconhecem que o pensamento é criador envolvem-se muitas vezes em preocupações tão negativas e desagregadoras que acabam por se auto-destruir.

Outra coisa que deveis saber é que os pensamentos tão sórdidos que os humanos estão constantemente a semear à sua volta, transformam a atmosfera psíquica da terra num verdadeiro pântano.

As pessoas queixam-se dos gases dos escapes dos automóveis, mas os humanos não fazem outra coisa senão envenenar a atmosfera espiritual com gases tóxicos: os seus maus pensamentos e os seus sentimentos de ódio, de inveja, de cólera e de sensualidade. Tudo o que no homem cria bolor e apodrece – os pensamentos e sentimentos impuros –, produzem exalações pestilentas, asfixiantes.

Se a atmosfera psíquica não estivesse tão poluída, o ser humano conseguiria neutralizar todos os venenos exteriores. O mal está, primeiro que tudo, no interior. Quando o ser humano vive em harmonia, as forças que ele possui interiormente reagem e rejeitam as impurezas, mesmo no plano físico, e assim o organismo consegue defender-se.

É no domínio interior que as pessoas são mais vulneráveis, e pouco a pouco essa fragilidade acaba por se manifestar também exteriormente.

A pureza do sangue e do pensamento elimina todas as condições favoráveis aos indesejáveis, mesmo no plano físico. Mas quando o mal já penetrou nos pensamentos, nos sentimentos, no coração e nos desejos, então há uma porta aberta e é extremamente fácil as doenças do plano físico introduzirem-se e provocarem devastações.

Viver em harmonia com a natureza é tomar precauções para projectar menos sujidades, produzir menos estragos e, pelo contrário, trabalhar para encher o espaço de pensamentos puros, luminosos e benéficos. ”

Retirado do livro Poderes do pensamento, de Omraam Mikhael Aivanhov, Edições Prosveta.

28 de Julho de 2009

Vida e circulação dos pensamentos

Pintura de Kim Molinero

“Se há algo que deveis saber, é que todos os pensamentos, mesmo os mais fracos e insignificantes, são uma realidade. É possível vê-los, e há seres que os vêem. Evidentemente, no plano físico o pensamento é invisível e imperceptível, mas ele é real e, na sua região, com os materiais subtis de que é feito, é uma criatura viva e até activa. A ignorância desta verdade é a causa de muitas infelicidades: os humanos não vêem, não sentem que o pensamento trabalha, que ele pode construir mas também despedaçar e destruir, e por isso permitem-se a pensar seja o que for ignorando que desta forma estão a barrar o caminho da sua evolução.

Cada ser pode enviar os seus pensamentos através do espaço, até às regiões mais longínquas, como se fossem mensageiros, criaturas luminosas que ele encarrega de ajudar os seres, de os consolar, de os esclarecer, de os curar. Todos os que fazem este trabalho conscientemente, pouco a pouco penetram nos arcanos da criação divina porque o pensamento consegue produzir efeitos a uma grande distância.

Se nos deixarmos ir atrás de pensamentos negativos, tenebrosos, destrutivos, pela lei da afinidade desencadearemos estados correspondentes na cabeça de milhares e milhares de pessoas. Mesmo que não nos demos conta disso, é assim. E somos nós os responsáveis… E seremos castigados porque não temos o direito de influenciar negativamente um ser humano nem de destruir nele algo de bom.

Tal como o pensamento, o sentimento é uma força que deixa o homem para partir através do espaço e fazer bem ou mal.

Decidi-vos, pois, a só projectar pensamentos e sentimentos que tenham as mais benéficas consequências. Quando sentirdes que já não sois senhores da situação, que estais a deixar-vos levar por impulsos negativos, reagi, procurai tomar outro rumo. Se não estiverdes conscientes, se mantiverdes em vós maus pensamentos, sem sequer lhes prestar atenção, eles deixar-vos-ão e as suas consequências trar-vos-ão infelicidade.

Todos os pensamentos da mesma natureza se juntam, se reforçam e se amplificam. O homem não cria os pensamentos, apenas os atrai ou os repele, pois neste domínio também existem leis de atracção e de repulsão."

Retirado do livro Poderes do pensamento, de Omraam Mikhael Aivanhov, Edições Prosveta.


26 de Julho de 2009

Como pensar o futuro

Pintura de Eva Soares

“Existem duas grandes verdades que deveis conhecer: primeiro, que o pensamento é um poder real; segundo, que através do pensamento podeis transportar-vos no futuro e vivê-lo por antecipação.

O poder do pensamento é real, tanto para o lado negativo como para o lado positivo, e é necessário utilizá-lo para o lado positivo.

Enquanto projectardes a imperfeição de ontem nos dias que estão para vir continuareis a reproduzir, a repetir o velho passado, e o vosso futuro não será mais do que os restos desse passado que projectastes para a frente. Ao passo que se projectardes tudo o que é belo, luminoso e perfeito, estareis já a viver o verdadeiro futuro que vos espera. Esse futuro é já uma realidade, dado que vós o viveis.

Sentir no presente coisas que ainda não se realizaram prova que elas são já reais numa outra forma, não no plano físico, mas no plano do pensamento, o que já é formidável.

A primeira tarefa é começar a vigiar os vossos pensamentos. O que quer que façais, lançai uma olhadela para o vosso foro interior a fim de saberdes o que faz o pensamento, por onde é que ele anda. Estar sempre vigilante, lúcido, consciente…

É este o primeiro trabalho: dominar, orientar, controlar tudo o que se passa em nós. Nunca deixar que se produza um acontecimento interior, um fenómeno psíquico ou uma emoção sem se dar conta disso, e mal apareça um elemento negativo, fazer o possível por lhe dar remédio.

A base de todos os poderes reside na capacidade de auto-observação.

O primeiro passo para a liberdade, o primeiro passo para o poder, consiste em começar por olhar para dentro de vós mesmos, para ver em que estado vos encontrais, e remediar a situação na medida em que vos for possível.

O preceito «Vigiai e Orai» tem uma grande importância na vida espiritual. É preciso dar ao corpo físico as horas de sono de que ele necessita; é o espírito, em vós, que nunca deve adormecer.

Nunca vos esqueçais de adormecer com um ideal magnífico, pois é graças a esse ideal que construireis o vosso futuro e o de toda a humanidade” *

* Retirado do livro, Poderes do Pensamento, de Omraam Mikhael Aivanhov, Edições Prosveta.

23 de Julho de 2009

Valor da pessoa humana


“Certos princípios universais devem ser defendidos, proclamados e promovidos, acima das culturas e das crenças. Entre estes, a Carta dos Direitos do Homem é um texto fundador para a humanidade inteira. E a humanidade inclui as mulheres – ou, melhor, depende delas.

Nenhuma religião, nem nenhum costume justificam que se assassine, queime, torture, lapide ou viole uma mulher porque é de uma mulher que se trata. Nenhuma religião, nenhum costume justifica que crianças do sexo feminino sejam mutiladas, vendidas ou prostituídas. Nenhuma religião, nenhum costume justifica que as mulheres sejam subjugadas, humilhadas, privadas dos direitos elementares do ser humano.

Apesar de tudo, a condição das mulheres progrediu de forma extraordinária ao longo do século XX. As mulheres conquistaram o seu espaço com obstinação, e não baixaram ainda as mãos.” *

No entanto, no século XXI, em nome da diversidade dos costumes, culturas e religiões, a mulher continua a estar na linha da frente em questão de maus-tratos.

* Retirado de: “O Livro Negro da Condição das Mulheres” com organização de Christine Ockrent

Temas & Debates

***

Cerca de 150 mulheres que vivem nas Ilhas Maldivas estão a ser chicoteadas em público, por manterem relações sexuais fora do casamento, depois de terem sido condenadas por tribunais muçulmanos.

Cerca de 50 homens receberam a mesma pena, de acordo com o site do jornal Huffington Post.

O chefe do Tribunal Penal do país, Abdulla Mohamed, disse, em entrevista à imprensa local, que este tipo de penas servem para dissuadir outras pessoas, e não foram planeadas com o objectivo de causar ferimentos, tanto que o responsável por dar as chicotadas foi proibido de levantar o braço acima do seu ombro.

Disse ainda que poucos homens são perseguidos porque: "o homem, depois de fazer isso, vai para longe, enquanto a mulher talvez tenha relações com mais de um homem e não saiba quem é o responsável” ou então, porque “o homem simplesmente nega”.

Ler toda a notícia aqui

***

“Promover as Mulheres não é uma forma de diminuir os homens; é, para as nossas sociedades, a melhor garantia de equilíbrio e progresso”. Christine Ockrent

19 de Julho de 2009

Dádiva e partilha


A Vida funciona de tal maneira que todas as células devem tornar-se mutuamente dependentes umas das outras, de forma a construírem um corpo vivo. A Natureza criou uma regularidade através da qual, o que une as células e os órgãos como um corpo vivo é a relação mútua entre eles.Assim, a força que cria e sustenta a vida é de dádiva e de partilha e o seu objectivo é criar uma existência mutuamente harmoniosa e equilibrada entre todos os elementos. Tudo o que existe na natureza, todos os fenómenos estão interligados entre si e estão ligados ao todo.

“Se recebemos e não damos, saturamo-nos da energia que é veiculada pelo acontecimento que nos chega e que, deste modo, se condensa em nós perniciosamente. O resultado, sempre aportará consigo, alguma correspondente energética na forma de um acontecimento danoso. A natureza, a todo o momento, ajusta os pontos de equilíbrio e repõe energia onde esta foi subtraída; deste modo, opera em nós e à nossa volta, produzindo matematicamente os fenómenos. Aqueles que julgam poder somente receber os bons augúrios, usufruindo do que consideram ser a boa fortuna sem a comungar com a Natureza, sem fazer um bem equivalente, sempre verão cobrado com juros o aporte final. Por conseguinte, é absolutamente vital estar consciente no acto de receber, nos inumeráveis momentos de receber – para, por sua vez, dar. Quanto mais consciência existe, mais energia se move. Quanto mais responsabilidade se adquiriu, mais energia é atraída. Neste caso, o dar tem uma importância fundamental para um verdadeiro equilíbrio e estabilidade, e para manter desobstruído o caminho do progresso”*.

Alcançando consideração mútua, confiança e amor entre as pessoas, vamos descobrir toda uma nova vida de equilíbrio, harmonia e perfeição.


*Excerto do texto retirado do livro:“Luzes do Oculto – Perguntas com respostas” - Centro Lusitano de Unificação Cultural.

10 de Julho de 2009

The End of the Line

O "Fim da linha" é um poderoso documentário de Rupert Murray, que alerta para o excesso de pesca predatória, ameaçando cada vez mais espécies de peixes.
Filmado ao redor do planeta, este documentário mostra a ganância da indústria pesqueira de todo o mundo.


8 de Julho de 2009

Os búzios


Os Búzios

Deixados pelos Deuses sobre a areia
os búzios são cofres com pedaços da noite
Pequenos transístores para as notícias do
mar

Encontrados pelas crianças na praia
Os búzios são caixas de música
São os ouvidos petrificados dos peixes

E um búzio separa
As crianças dos Deuses


Poeta português – Emanuel Félix

4 de Julho de 2009

Dias com Árvores

Está de volta um dos nossos blogs preferidos, o excelente
Vale apena uma visita!

1 de Julho de 2009

A Paz através da Música



A música como forma de união de diferentes raças, nações e culturas.




Visite: